Renata Sborgia

Professora de Português

Renata

Sborgia

Advogada, Prof. de Português, Consultora e Revisora, Mestra USP/RP, Especialista em Língua Portuguesa, Pós-Graduada pela FGV/RJ, com MBA em Direito e Gestão Educacional, autora de vários livros como a Gramática Português Sem Segredos (Ed. Madras), em co-a

renatacs@convex.com.br

Cultivando a Língua Portuguesa

 
06/03/2015

“... não basta me completar, querido. Tem que transbordar.”
      Renata Carone Sborgia - Livro: Trechos Tecidos com Palavras...
      Sentimentos...Afins... Sem Fim... 
Madras Editora
“... não basta me completar, querido. Tem que transbordar.”
Renata Carone Sborgia - Livro: Trechos Tecidos com Palavras...
Sentimentos...Afins... Sem Fim... 
Madras Editora

1) Maria queria “advinhar” o que estava dentro daquela caixa!
...com o erro de grafia, dificilmente, adivinhará!
O correto é: adivinhar
2) Sobre pronúncia das palavras...
Ortoépia: trata da pronúncia correta das palavras.
Cacoépia: trata da pronúncia incorreta das palavras.
Exemplos:        Correto:  Advogado
                          Incorreto: Adevogado
                         Correto: Empecilho
                         Incorreto:  Impecilho
                         Correto:  Privilégio
                         Incorreto: Previlégio
3) Pedro entregou o currículo “em mão”.
              Entregou corretamente!!!
       Obs.: Atualmente, alguns dicionários aceitam as duas formas.
        Isto é, tanto no singular quanto no plural.
        Ex.:  Entregou a carta em mão.
                 Entregou a carta em mãos.
A expressão é usada para indicar que a carta ou outro documento enviado a alguém é, ou deve ser, entregue ao destinatário por um mensageiro particular e não através do correio. 

“Sempre que houver silêncio à sua volta, ouça-o.
Isso significa apenas percebê-lo.
Ouvir o silêncio desperta a dimensão de calma que já existe dentro de você, porque é só através da calma que se pode perceber o silêncio.
Nesses momentos você se liberta de milhares de anos de condicionamento humano coletivo”.
Eckhart Tolle 

Fonte: Revista Canavieiros - ed. 104

Cultivando a Língua Portuguesa

06/03/2015

“... não basta me completar, querido. Tem que transbordar.”
      Renata Carone Sborgia - Livro: Trechos Tecidos com Palavras...
      Sentimentos...Afins... Sem Fim... 
Madras Editora
“... não basta me completar, querido. Tem que transbordar.”
Renata Carone Sborgia - Livro: Trechos Tecidos com Palavras...
Sentimentos...Afins... Sem Fim... 
Madras Editora

1) Maria queria “advinhar” o que estava dentro daquela caixa!
...com o erro de grafia, dificilmente, adivinhará!
O correto é: adivinhar
2) Sobre pronúncia das palavras...
Ortoépia: trata da pronúncia correta das palavras.
Cacoépia: trata da pronúncia incorreta das palavras.
Exemplos:        Correto:  Advogado
                          Incorreto: Adevogado
                         Correto: Empecilho
                         Incorreto:  Impecilho
                         Correto:  Privilégio
                         Incorreto: Previlégio
3) Pedro entregou o currículo “em mão”.
              Entregou corretamente!!!
       Obs.: Atualmente, alguns dicionários aceitam as duas formas.
        Isto é, tanto no singular quanto no plural.
        Ex.:  Entregou a carta em mão.
                 Entregou a carta em mãos.
A expressão é usada para indicar que a carta ou outro documento enviado a alguém é, ou deve ser, entregue ao destinatário por um mensageiro particular e não através do correio. 

“Sempre que houver silêncio à sua volta, ouça-o.
Isso significa apenas percebê-lo.
Ouvir o silêncio desperta a dimensão de calma que já existe dentro de você, porque é só através da calma que se pode perceber o silêncio.
Nesses momentos você se liberta de milhares de anos de condicionamento humano coletivo”.
Eckhart Tolle