http://site.orplana.com.br/pages/caminhos-da-cana-2017/
http://www.ideaonline.com.br/conteudo/12-grande-encontro-sobre-variedades-de-cana-de-acucar.html
http://https://www.fmcagricola.com.br/index.aspx
http://www.premiomulheresdoagro.com.br/
http://www.rgis.com.br

Abundante oferta mundial pressiona e preços do açúcar fecham mistos em NY

Voltar

Açúcar

07/02/2018
  Compartilhe:

Os preços do açúcar fecharam mistos ontem (6) em Nova York, com baixa nos dois primeiros contratos e alta nos demais. Segundo análise do jornal Valor Econômico de hoje, "as perspectivas de oferta mundial abundante de açúcar na atual (2017/18) e na próxima safra (2018/19) voltaram a pressionar as cotações do demerara na bolsa de Nova York".

Ainda segundo os analistas ouvidos pelo Valor, o pregão foi marcado ontem por uma grande volatilidade. "As previsões são de uma produção de 26,1 milhões de toneladas de açúcar na Índia em 2017/18 e de 29 milhões em 2018/19. A perda no pregão, contudo, foi limitada pela previsão de uma safra menos açucareira no Brasil em 2018/19 e pela movimentação dos fundos, cujo posicionamento vendido em Nova York segue em patamares recordes".

No vencimento março/18 da bolsa de NY, o demerara fechou cotado a 13.84 centavos de dólar por libra-peso, baixa de seis pontos no comparativo com a véspera. O lote maio/18, de maior liquidez, fechou em 13.85 cts/lb, queda de um ponto. As demais telas subiram entre dois e 13 pontos.

Em Londres o açúcar branco caiu nos quatro primeiros lotes e subiu nos demais. A tela março/18 fechou cotada a US$ 357,60 a tonelada, baixa de 3,60 dólares no comparativo com a véspera. Já os contratos para maio/18 caíram 2,40 dólares, com negócios em US$ 361,90 a tonelada.

Mercado doméstico
No mercado interno o açúcar cristal registrou sua quinta queda seguida pelos índices do Cepea/Esalq, com a commodity comercializada a R$ 54,01 a saca de 50 quilos, baixa de 1,28% no comparativo com a véspera.

Etanol diário
O indicador Esalq/BVMF para o etanol hidratado voltou a subir depois de três dias de queda. Ontem o biocombustível foi comercializado a R$ 1.894,50 o metro cúbico, valorização de 0,32% no comparativo aos preços praticados na segunda-feira.

Fonte: UDOP

Abundante oferta mundial pressiona e preços do açúcar fecham mistos em NY

07/02/2018

Os preços do açúcar fecharam mistos ontem (6) em Nova York, com baixa nos dois primeiros contratos e alta nos demais. Segundo análise do jornal Valor Econômico de hoje, "as perspectivas de oferta mundial abundante de açúcar na atual (2017/18) e na próxima safra (2018/19) voltaram a pressionar as cotações do demerara na bolsa de Nova York".

Ainda segundo os analistas ouvidos pelo Valor, o pregão foi marcado ontem por uma grande volatilidade. "As previsões são de uma produção de 26,1 milhões de toneladas de açúcar na Índia em 2017/18 e de 29 milhões em 2018/19. A perda no pregão, contudo, foi limitada pela previsão de uma safra menos açucareira no Brasil em 2018/19 e pela movimentação dos fundos, cujo posicionamento vendido em Nova York segue em patamares recordes".

No vencimento março/18 da bolsa de NY, o demerara fechou cotado a 13.84 centavos de dólar por libra-peso, baixa de seis pontos no comparativo com a véspera. O lote maio/18, de maior liquidez, fechou em 13.85 cts/lb, queda de um ponto. As demais telas subiram entre dois e 13 pontos.

Em Londres o açúcar branco caiu nos quatro primeiros lotes e subiu nos demais. A tela março/18 fechou cotada a US$ 357,60 a tonelada, baixa de 3,60 dólares no comparativo com a véspera. Já os contratos para maio/18 caíram 2,40 dólares, com negócios em US$ 361,90 a tonelada.

Mercado doméstico
No mercado interno o açúcar cristal registrou sua quinta queda seguida pelos índices do Cepea/Esalq, com a commodity comercializada a R$ 54,01 a saca de 50 quilos, baixa de 1,28% no comparativo com a véspera.

Etanol diário
O indicador Esalq/BVMF para o etanol hidratado voltou a subir depois de três dias de queda. Ontem o biocombustível foi comercializado a R$ 1.894,50 o metro cúbico, valorização de 0,32% no comparativo aos preços praticados na segunda-feira.