http://www.rossam.com.br/index.html
http://site.orplana.com.br/pages/caminhos-da-cana-2017/
http://www.ideaonline.com.br/conteudo/17-produtividade-e-reducao-de-custos-2018.html
http://www.fmcagricola.com.br/index.aspx

Aprosoja/MS atualiza dados da safra e destaca o potencial da região Sudoeste

Voltar

Geral

30/10/2018
  Compartilhe:

A soja é mais uma alternativa para dinamizar a economia da região Sudoeste de Mato Grosso do Sul. Ivinhema, por exemplo, avançou significativamente a área dedicada ao grão e tem atraído agricultores de várias regiões brasileiras. A afirmação do presidente da Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS), Juliano Schmaedecke, aconteceu durante o Circuito Aprosoja/MS, nesta sexta-feira (26), no Sindicato Rural de Ivinhema.

O valor do alqueire em Ivinhema, segundo o Sindicato Rural, passou de R$ 4 mil, para R$ 60 mil no período de 20 anos. “Essa valorização das terras mostra potencial produtivo da região”, afirma o presidente da Aprosoja/MS.

Segundo prefeito de Ivinhema, Éder Uilson França Lima, devido a fertilidade do solo, o município pulou de cinco para 20 mil hectares na área dedicada ao cultivo da soja, no período de dois anos. “Por meio da Secretaria de Agricultura, estamos nos dedicando à pesquisa, para diversificarmos as culturas, dividindo o foco com a cana-de-açúcar, carro chefe do município”, pontua.

Nesses dois anos Ivinhema atraiu agricultores de estados como São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e de municípios vizinhos, como Naviraí. “Somos um polo em diversas culturas. Tornamo-nos os maiores produtores de mandioca de MS, temos plantações de café, hortifrúti, cana-de-açúcar, suínos, aves, áreas de bovinocultura de corte e agora crescendo no cultivo de soja e milho. Temos a terra produtiva como diferencial e isso valorizou muito as terras da região”, destaca a presidente do Sindicato Rural de Ivinhema, Edy Elaine Biondo Tarrafel.

Plantio e Comercialização da soja
O plantio da oleaginosa em Ivinhema acompanha a média estadual e já ultrapassa os 70% do total da área. Mato Grosso do Sul está com 72% do plantio concluído, segundo dados divulgados pelo presidente da Aprosoja/MS, durante o Circuito Aprosoja. A média é 12,3% maior em relação ao mesmo período do ano passado.

Do total dos grãos estimados para a safra 2018/2019, cerca de 27% já foram negociados, de acordo com a Granos Corretora. No ciclo passado, neste mesmo período, o volume comercializado era de 26,86%. Quanto a safra 2017/18, cerca de 91% está vendida.

Circuito Aprosoja/MS
O Circuito Aprosoja/MS é um evento de atualização para produtores rurais e estudantes do setor. A ação percorre Mato Grosso do Sul levando palestras com informações relevantes, sob a finalidade de influenciar positivamente da porteira para dentro.

Nesta quinta e sexta-feira o Circuito aconteceu no Sindicato Rural de Maracaju e Sindicato Rural de Ivinhema, respectivamente. O palestrante Murilo Paschoal, da Safras & Cifras, tratou da longevidade nas empresas rurais e familiares. Já Marcia Barbieri, do Grupo Agros, ministrou a palestra “Desafios da porteira para dentro: Como maximizar os resultados?”.

Fonte: Agrolink

Aprosoja/MS atualiza dados da safra e destaca o potencial da região Sudoeste

30/10/2018

A soja é mais uma alternativa para dinamizar a economia da região Sudoeste de Mato Grosso do Sul. Ivinhema, por exemplo, avançou significativamente a área dedicada ao grão e tem atraído agricultores de várias regiões brasileiras. A afirmação do presidente da Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS), Juliano Schmaedecke, aconteceu durante o Circuito Aprosoja/MS, nesta sexta-feira (26), no Sindicato Rural de Ivinhema.

O valor do alqueire em Ivinhema, segundo o Sindicato Rural, passou de R$ 4 mil, para R$ 60 mil no período de 20 anos. “Essa valorização das terras mostra potencial produtivo da região”, afirma o presidente da Aprosoja/MS.

Segundo prefeito de Ivinhema, Éder Uilson França Lima, devido a fertilidade do solo, o município pulou de cinco para 20 mil hectares na área dedicada ao cultivo da soja, no período de dois anos. “Por meio da Secretaria de Agricultura, estamos nos dedicando à pesquisa, para diversificarmos as culturas, dividindo o foco com a cana-de-açúcar, carro chefe do município”, pontua.

Nesses dois anos Ivinhema atraiu agricultores de estados como São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e de municípios vizinhos, como Naviraí. “Somos um polo em diversas culturas. Tornamo-nos os maiores produtores de mandioca de MS, temos plantações de café, hortifrúti, cana-de-açúcar, suínos, aves, áreas de bovinocultura de corte e agora crescendo no cultivo de soja e milho. Temos a terra produtiva como diferencial e isso valorizou muito as terras da região”, destaca a presidente do Sindicato Rural de Ivinhema, Edy Elaine Biondo Tarrafel.

Plantio e Comercialização da soja
O plantio da oleaginosa em Ivinhema acompanha a média estadual e já ultrapassa os 70% do total da área. Mato Grosso do Sul está com 72% do plantio concluído, segundo dados divulgados pelo presidente da Aprosoja/MS, durante o Circuito Aprosoja. A média é 12,3% maior em relação ao mesmo período do ano passado.

Do total dos grãos estimados para a safra 2018/2019, cerca de 27% já foram negociados, de acordo com a Granos Corretora. No ciclo passado, neste mesmo período, o volume comercializado era de 26,86%. Quanto a safra 2017/18, cerca de 91% está vendida.

Circuito Aprosoja/MS
O Circuito Aprosoja/MS é um evento de atualização para produtores rurais e estudantes do setor. A ação percorre Mato Grosso do Sul levando palestras com informações relevantes, sob a finalidade de influenciar positivamente da porteira para dentro.

Nesta quinta e sexta-feira o Circuito aconteceu no Sindicato Rural de Maracaju e Sindicato Rural de Ivinhema, respectivamente. O palestrante Murilo Paschoal, da Safras & Cifras, tratou da longevidade nas empresas rurais e familiares. Já Marcia Barbieri, do Grupo Agros, ministrou a palestra “Desafios da porteira para dentro: Como maximizar os resultados?”.