http://www.fenasucro.com.br/Expor/Quero-Expor/Beneficios/?utm_source=mediapartner&utm_campaign=vendas&utm_medium=banner&utm_content=canavieiros_vendas&utm_term=761x73_201803271729&preload[13935947]=mediapartner
http://bit.ly/2ktdMMm
http://www.ideaonline.com.br/conteudo/2-inovacana.html
http://site.orplana.com.br/pages/caminhos-da-cana-2017/
http://www.globalagribusinessforum.com/pt-br/
http://https://www.fmcagricola.com.br/index.aspx

Café: Ritmo de negociação volta a se enfraquecer neste início de dezembro

Voltar

Agronegócio

06/12/2017

A liquidez no mercado de café arábica, que havia aumentado no final de novembro, voltou a se reduzir no início deste mês, segundo pesquisadores do Cepea. O motivo para o ritmo enfraquecido de negociações é a típica retração de agentes no final do ano, que aguardam o início do novo ano para retomar a comercialização. Neste cenário, entre 28 de novembro e 5 de dezembro, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, recuou 0,57%, fechando a R$ 455,35/saca de 60 kg nessa terça-feira, 5. Quanto ao robusta, a liquidez também segue baixa. O Indicador CEPEA/ESALQ do tipo 6, fechou a R$ 375,80/sc de 60 kg nessa terça, praticamente estável (+0,08%) frente ao dia 28.

Fonte: Cepea

Café: Ritmo de negociação volta a se enfraquecer neste início de dezembro

06/12/2017

A liquidez no mercado de café arábica, que havia aumentado no final de novembro, voltou a se reduzir no início deste mês, segundo pesquisadores do Cepea. O motivo para o ritmo enfraquecido de negociações é a típica retração de agentes no final do ano, que aguardam o início do novo ano para retomar a comercialização. Neste cenário, entre 28 de novembro e 5 de dezembro, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, recuou 0,57%, fechando a R$ 455,35/saca de 60 kg nessa terça-feira, 5. Quanto ao robusta, a liquidez também segue baixa. O Indicador CEPEA/ESALQ do tipo 6, fechou a R$ 375,80/sc de 60 kg nessa terça, praticamente estável (+0,08%) frente ao dia 28.