http://site.orplana.com.br/pages/caminhos-da-cana-2017/
http://https://www.fmcagricola.com.br/index.aspx
http://bit.ly/2ktdMMm
http://www.fenasucro.com.br/Expor/Quero-Expor/Beneficios/?utm_source=mediapartner&utm_campaign=vendas&utm_medium=banner&utm_content=canavieiros_vendas&utm_term=761x73_201803271729&preload[13935947]=mediapartner
http://www.ideaonline.com.br/conteudo/2-inovacana.html

IGC reduz estimativa para safra mundial 2018/19 de grãos

Voltar

Geral

30/07/2018

Em seu mais recente relatório de acompanhamento de safra, com data de 26 de julho, o Conselho Internacional de Grãos (IGC, na sigla em inglês) reduziu a estimativa para a produção mundial de grãos [soja, milho, trigo e arroz] no ciclo 2018/19 para 2,059 bilhões de toneladas, queda de 18 milhões de toneladas na comparação com a projeção anterior [2,077 bi tons], divulgada no dia 02 de julho.  

O conselho elevou em um milhão de toneladas a previsão para o comércio global de grãos na safra 2018/19, projetado agora em 370 mi tons. 
Por outro lado, o IGC revisou para baixo a projeção do consumo mundial na temporada 2018/19 para 2,128 bi tons, contra 2,131 bi tons da estimativa anterior. Já os estoques globais ao término do período 2018/19 deverão alcançar 532 mi tons, contra 544 mi tons da previsão do início de julho.
 

Fonte: Datagro

IGC reduz estimativa para safra mundial 2018/19 de grãos

30/07/2018

Em seu mais recente relatório de acompanhamento de safra, com data de 26 de julho, o Conselho Internacional de Grãos (IGC, na sigla em inglês) reduziu a estimativa para a produção mundial de grãos [soja, milho, trigo e arroz] no ciclo 2018/19 para 2,059 bilhões de toneladas, queda de 18 milhões de toneladas na comparação com a projeção anterior [2,077 bi tons], divulgada no dia 02 de julho.  

O conselho elevou em um milhão de toneladas a previsão para o comércio global de grãos na safra 2018/19, projetado agora em 370 mi tons. 
Por outro lado, o IGC revisou para baixo a projeção do consumo mundial na temporada 2018/19 para 2,128 bi tons, contra 2,131 bi tons da estimativa anterior. Já os estoques globais ao término do período 2018/19 deverão alcançar 532 mi tons, contra 544 mi tons da previsão do início de julho.