http://site.orplana.com.br/pages/caminhos-da-cana-2017/
http://https://www.fmcagricola.com.br/index.aspx
http://www.ideaonline.com.br/conteudo/12-grande-encontro-sobre-variedades-de-cana-de-acucar.html

Milho: Focado no plantio da nova safra americana, mercado inicia 3ª feira com leves altas na CBOT

Voltar

Geral

15/05/2018

As cotações futuras do milho iniciaram a sessão desta terça-feira (15) com ligeiras altas na Bolsa de Chicago (CBOT). Por volta das 8h24 (horário de Brasília), os vencimentos do cereal exibiam valorizações entre 2,00 e 2,25 pontos. O vencimento julho/18 era cotado a US$ 3,98 por bushel, enquanto o setembro/18 operava a US$ 4,06 por bushel.
 
O mercado volta a testar ligeiras altas, após encerrar o dia anterior com leves quedas, próximos da estabilidade. As atenções dos traders permanecem voltadas para a safra dos EUA.
 
Ainda no final da tarde desta segunda-feira, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reportou que 62% da área esperada para essa temporada já havia sido cultivada até o último domingo. O percentual ficou levemente acima do esperado pelos investidores, entre 58% e 60%.
 
No mesmo período do ano anterior, o plantio estava em 68% e a média dos últimos cinco anos é de 63%. Na semana passada, a semeadura o milho estava próxima de 39%.

Fonte: Notícias Agrícolas

Milho: Focado no plantio da nova safra americana, mercado inicia 3ª feira com leves altas na CBOT

15/05/2018

As cotações futuras do milho iniciaram a sessão desta terça-feira (15) com ligeiras altas na Bolsa de Chicago (CBOT). Por volta das 8h24 (horário de Brasília), os vencimentos do cereal exibiam valorizações entre 2,00 e 2,25 pontos. O vencimento julho/18 era cotado a US$ 3,98 por bushel, enquanto o setembro/18 operava a US$ 4,06 por bushel.
 
O mercado volta a testar ligeiras altas, após encerrar o dia anterior com leves quedas, próximos da estabilidade. As atenções dos traders permanecem voltadas para a safra dos EUA.
 
Ainda no final da tarde desta segunda-feira, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reportou que 62% da área esperada para essa temporada já havia sido cultivada até o último domingo. O percentual ficou levemente acima do esperado pelos investidores, entre 58% e 60%.
 
No mesmo período do ano anterior, o plantio estava em 68% e a média dos últimos cinco anos é de 63%. Na semana passada, a semeadura o milho estava próxima de 39%.