http://https://www.fmcagricola.com.br/index.aspx
http://site.orplana.com.br/pages/caminhos-da-cana-2017/
http://www.ideaonline.com.br/conteudo/12-grande-encontro-sobre-variedades-de-cana-de-acucar.html

Moagem no Centro-Sul atinge 3,34 milhões de ton na 1ª quinzena de março

Voltar

Cana-de-Açúcar

26/03/2018

A moagem de cana-de-açúcar pelas unidades produtoras no Centro-Sul alcançou 3,34 milhões de toneladas na 1ª metade de março de 2018, com 46,85 mil toneladas de açúcar produzidas e 182,79 milhões de litros de etanol fabricados.
 
Nesse período, a hidratação (volume de etanol anidro reprocessado e convertido em hidratado) atingiu expressivos 75,77 milhões de litros. Já a produção de etanol de milho totalizou 31,36 mil litros, alta de 69,71% sobre igual quinzena de 2017.
 
No acumulado até 16 de março de 2018, a moagem somou 588,47 milhões de toneladas, contra 599,17 milhões registradas até a mesma data da safra 2016/2017. Como resultado, a produção acumulada de açúcar totalizou 35,89 milhões de toneladas, enquanto o volume de etanol alcançou 25,66 bilhões de litros (10,44 bilhões de litros de anidro e 15,22 bilhões de litros de hidratado).
 
Em relação ao número de unidades em operação, levantamento da União da Indústria da Cana-de-Açúcar (UNICA) indica 42 unidades em safra no Centro-Sul até 16 de março.
 
Vendas de etanol
 
As vendas de etanol pelas unidades produtoras do Centro-Sul somaram 1,06 bilhão de litros nos primeiros 15 dias de março, com praticamente todo esse montante destinado ao mercado interno (1,03 bilhão de litros).
 
No mercado doméstico, o volume comercializado de hidratado apresentou forte crescimento, com 657,45 milhões de litros vendidos. Este valor é 33,16% superior àquele observado na mesma quinzena de 2017 e 21,75% acima daquele verificado na última metade de fevereiro de 2018.
 
Para o diretor Técnico da UNICA, Antonio de Padua Rodrigues, “a manutenção no ritmo de vendas do hidratado e o mix de produção mais alcooleiro já era esperado para esse início do mês de março em função da atratividade do etanol na maior parte do mercado consumidor brasileiro.”
 
Em relação ao anidro, as vendas ao mercado interno alcançaram 375,87 milhões de litros na primeira quinzena de março. No agregado da safra 2017/2018 até o momento, as vendas de etanol totalizam 25,24 bilhões de litros, com 1,46 bilhão de litros direcionados para exportação e 23,78 bilhões de litros ao mercado interno.
 
Nesse mercado, o destaque cabe ao hidratado. O volume comercializado do biocombustível, 14,74 bilhões de litros entre abril de 2017 e 16 de março de 2018, supera em 7,10% àquele apurado no mesmo período do ciclo 2016/2017.

Fonte: Brasil Agro

Moagem no Centro-Sul atinge 3,34 milhões de ton na 1ª quinzena de março

26/03/2018

A moagem de cana-de-açúcar pelas unidades produtoras no Centro-Sul alcançou 3,34 milhões de toneladas na 1ª metade de março de 2018, com 46,85 mil toneladas de açúcar produzidas e 182,79 milhões de litros de etanol fabricados.
 
Nesse período, a hidratação (volume de etanol anidro reprocessado e convertido em hidratado) atingiu expressivos 75,77 milhões de litros. Já a produção de etanol de milho totalizou 31,36 mil litros, alta de 69,71% sobre igual quinzena de 2017.
 
No acumulado até 16 de março de 2018, a moagem somou 588,47 milhões de toneladas, contra 599,17 milhões registradas até a mesma data da safra 2016/2017. Como resultado, a produção acumulada de açúcar totalizou 35,89 milhões de toneladas, enquanto o volume de etanol alcançou 25,66 bilhões de litros (10,44 bilhões de litros de anidro e 15,22 bilhões de litros de hidratado).
 
Em relação ao número de unidades em operação, levantamento da União da Indústria da Cana-de-Açúcar (UNICA) indica 42 unidades em safra no Centro-Sul até 16 de março.
 
Vendas de etanol
 
As vendas de etanol pelas unidades produtoras do Centro-Sul somaram 1,06 bilhão de litros nos primeiros 15 dias de março, com praticamente todo esse montante destinado ao mercado interno (1,03 bilhão de litros).
 
No mercado doméstico, o volume comercializado de hidratado apresentou forte crescimento, com 657,45 milhões de litros vendidos. Este valor é 33,16% superior àquele observado na mesma quinzena de 2017 e 21,75% acima daquele verificado na última metade de fevereiro de 2018.
 
Para o diretor Técnico da UNICA, Antonio de Padua Rodrigues, “a manutenção no ritmo de vendas do hidratado e o mix de produção mais alcooleiro já era esperado para esse início do mês de março em função da atratividade do etanol na maior parte do mercado consumidor brasileiro.”
 
Em relação ao anidro, as vendas ao mercado interno alcançaram 375,87 milhões de litros na primeira quinzena de março. No agregado da safra 2017/2018 até o momento, as vendas de etanol totalizam 25,24 bilhões de litros, com 1,46 bilhão de litros direcionados para exportação e 23,78 bilhões de litros ao mercado interno.
 
Nesse mercado, o destaque cabe ao hidratado. O volume comercializado do biocombustível, 14,74 bilhões de litros entre abril de 2017 e 16 de março de 2018, supera em 7,10% àquele apurado no mesmo período do ciclo 2016/2017.