http://www.fmcagricola.com.br/index.aspx
http://www.rossam.com.br/index.html
http://www.ideaonline.com.br/conteudo/17-produtividade-e-reducao-de-custos-2018.html
http://site.orplana.com.br/pages/caminhos-da-cana-2017/

UNICA anuncia Antonio de Padua Rodrigues como Diretor-Presidente interino

Voltar

Geral

24/04/2012
  Compartilhe:

São Paulo, 24 de abril de 2012 – A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) anunciou hoje a indicação, por seu Conselho Deliberativo, do diretor técnico Antonio de Padua Rodrigues como diretor-presidente interino da entidade. Ele ocupará o cargo até a indicação de um novo diretor-presidente em substituição a Marcos Jank, que anunciou sua saída da entidade há cerca de um mês, no dia 27 de março, e hoje oficializou seu desligamento durante reunião do Conselho Deliberativo. O processo de seleção do novo executivo está em andamento.
 
Com mais de 30 anos de atuação no setor sucroenergético, Antonio de Padua Rodrigues, ou “Padua” como é mais conhecido, integra a equipe da UNICA desde 1990 e exerce o cargo de diretor técnico desde 2003. Sua carreira inclui passagens pelo Planalsucar, o Programa Nacional de Melhoramento da Cana-de-Açúcar, onde foi Coordenador de Administração e Finanças e pelo Ministério da Indústria, Comércio e Tecnologia, onde foi Supervisor Administrativo-Financeiro dos projetos financiados pela STI, a Secretaria de Tecnologia Industrial. De 1983 a 1990, atuou como consultor e participou da implantação, junto aos fornecedores de cana, do Sistema de Pagamento de Cana por Teor de Sacarose (SPCTS).
 
Jank assumiu a presidência da UNICA e de seu Conselho Deliberativo em julho de 2007 e liderou um período de importantes realizações para o setor sucroenergético. Os avanços incluem a intensificação do diálogo com todas as esferas governamentais, diversas conquistas voltadas para as áreas trabalhista, ambiental, social e regulatória, e o estabelecimento de uma forte presença internacional, com a abertura de escritórios em Washington e Bruxelas. A ação foi fundamental para a não renovação, no final de 2011, da elevada tarifa imposta pelos Estados Unidos ao etanol importado. A UNICA também adotou uma postura proativa para a comunicação, expandindo o atendimento a demandas de veículos brasileiros e internacionais e realizando iniciativas que produziram ganhos para a imagem do setor no Brasil e no exterior, como as edições de 2009 e 2011 do Ethanol Summit e o premiado Projeto AGORA.
 
“Foi uma grande honra servir a um setor tão fundamental para a vida nacional e cada vez mais vital para o mundo, devido à crescente gama de soluções de baixo carbono que vem da cana-de-açúcar. O futuro do setor é muito promissor e tenho certeza que o trabalho realizado até aqui será uma base sólida para os avanços que veremos daqui para a frente,” afirmou Jank, que antecipou sua saída da UNICA para poder atender a convites nacionais e internacionais ligados a seus próximos passos na vida profissional.
“Queremos registrar o nosso agradecimento ao Marcos por seu trabalho intenso e abrangente no comando da UNICA desde 2007, impactando a realidade do setor sucroenergético em inúmeras frentes, dentro e fora do Brasil. Desejamos a ele muito sucesso nos novos desafios que já se desenham em seu futuro,” disse o presidente do Conselho Deliberativo da UNICA, Pedro Parente.
 
SOBRE A UNICA
A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA - www.unica.com.br) é a entidade representativa das principais unidades produtoras de açúcar, etanol (álcool combustível) e bioeletricidade da região Centro-Sul do Brasil, principalmente do Estado de São Paulo. As usinas associadas à UNICA são responsáveis por mais de 50% da produção nacional de cana e 60% da produção de etanol. Na safra 2010/11, o Brasil produziu aproximadamente 620 milhões de toneladas de cana, matéria-prima utilizada para a produção de 37,8 milhões de toneladas de açúcar e 27,4 bilhões de litros de etanol.

Fonte: CDN Comunicação Corporativa

COMENTÁRIOS

0 comentários postados

Mostrando 1 à 0 (de 0 encontrados)
  1. PÁGINA:

UNICA anuncia Antonio de Padua Rodrigues como Diretor-Presidente interino

24/04/2012

São Paulo, 24 de abril de 2012 – A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) anunciou hoje a indicação, por seu Conselho Deliberativo, do diretor técnico Antonio de Padua Rodrigues como diretor-presidente interino da entidade. Ele ocupará o cargo até a indicação de um novo diretor-presidente em substituição a Marcos Jank, que anunciou sua saída da entidade há cerca de um mês, no dia 27 de março, e hoje oficializou seu desligamento durante reunião do Conselho Deliberativo. O processo de seleção do novo executivo está em andamento.
 
Com mais de 30 anos de atuação no setor sucroenergético, Antonio de Padua Rodrigues, ou “Padua” como é mais conhecido, integra a equipe da UNICA desde 1990 e exerce o cargo de diretor técnico desde 2003. Sua carreira inclui passagens pelo Planalsucar, o Programa Nacional de Melhoramento da Cana-de-Açúcar, onde foi Coordenador de Administração e Finanças e pelo Ministério da Indústria, Comércio e Tecnologia, onde foi Supervisor Administrativo-Financeiro dos projetos financiados pela STI, a Secretaria de Tecnologia Industrial. De 1983 a 1990, atuou como consultor e participou da implantação, junto aos fornecedores de cana, do Sistema de Pagamento de Cana por Teor de Sacarose (SPCTS).
 
Jank assumiu a presidência da UNICA e de seu Conselho Deliberativo em julho de 2007 e liderou um período de importantes realizações para o setor sucroenergético. Os avanços incluem a intensificação do diálogo com todas as esferas governamentais, diversas conquistas voltadas para as áreas trabalhista, ambiental, social e regulatória, e o estabelecimento de uma forte presença internacional, com a abertura de escritórios em Washington e Bruxelas. A ação foi fundamental para a não renovação, no final de 2011, da elevada tarifa imposta pelos Estados Unidos ao etanol importado. A UNICA também adotou uma postura proativa para a comunicação, expandindo o atendimento a demandas de veículos brasileiros e internacionais e realizando iniciativas que produziram ganhos para a imagem do setor no Brasil e no exterior, como as edições de 2009 e 2011 do Ethanol Summit e o premiado Projeto AGORA.
 
“Foi uma grande honra servir a um setor tão fundamental para a vida nacional e cada vez mais vital para o mundo, devido à crescente gama de soluções de baixo carbono que vem da cana-de-açúcar. O futuro do setor é muito promissor e tenho certeza que o trabalho realizado até aqui será uma base sólida para os avanços que veremos daqui para a frente,” afirmou Jank, que antecipou sua saída da UNICA para poder atender a convites nacionais e internacionais ligados a seus próximos passos na vida profissional.
“Queremos registrar o nosso agradecimento ao Marcos por seu trabalho intenso e abrangente no comando da UNICA desde 2007, impactando a realidade do setor sucroenergético em inúmeras frentes, dentro e fora do Brasil. Desejamos a ele muito sucesso nos novos desafios que já se desenham em seu futuro,” disse o presidente do Conselho Deliberativo da UNICA, Pedro Parente.
 
SOBRE A UNICA
A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA - www.unica.com.br) é a entidade representativa das principais unidades produtoras de açúcar, etanol (álcool combustível) e bioeletricidade da região Centro-Sul do Brasil, principalmente do Estado de São Paulo. As usinas associadas à UNICA são responsáveis por mais de 50% da produção nacional de cana e 60% da produção de etanol. Na safra 2010/11, o Brasil produziu aproximadamente 620 milhões de toneladas de cana, matéria-prima utilizada para a produção de 37,8 milhões de toneladas de açúcar e 27,4 bilhões de litros de etanol.

Autor: Cortesia UNICA/ Foto: Niels Andreas